No papel tem mais 15 cv que a última versão do Octavia RS, ou seja 245 cv, mas o que realmente importa perceber é como chegam ao asfalto.  As alterações não são apenas de software, há “hardware” melhorado a nível mecânico, novo escape e um renovado autoblocante. Eis a Octavia RS245.

Sem substituir a atual versão RS do Skoda Octavia da qual deriva, com os seus 230 cv eficazes, dóceis e divertidos de domar, esta é mais uma nova versão RS que pretende fazer jus ao perfil desportivo da marca checa e para a qual a divisão Motorsport emprestou o seu “know-how”. A base mecânica é a mesma, mas o motor 2.0 TFSi foi alvo de pequenas modificações para ganhar os 15 cv adicionais. Assim, há êmbolos redesenhados, uma nova bomba de óleo, uma renovada linha de escape, que permite ao Octavia “gritar” de forma ainda mais rouca, e um novo diferencial autoblocante eletrónico apelidado de VAQ. Na prática, esta é a mesma evolução que existe entre o Golf GTI e o Golf GTI Performance, elemento que transforma de forma exponencial o rendimento do eixo dianteiro quando as retas deixam de ser... retas. Controlado eletronicamente, o novo autoblocante conta com 10 discos que assimilam um limite de pressão máximo de 1600 Nm. Refrigerado a óleo, coordena informações da direção e do ESP e atua por travão à roda: maximiza a capacidade de tração e minimiza a subviragem. A via traseira está mais larga e os travões são de maiores dimensões. Resultado, um carro mais ágil, mais eficaz e mais divertido, mas tal como o RS de 230 cv, superequilibrado. O Autohoje foi ao circuito de Vallelunga, perto de Roma, conduzi-lo e foi fácil perceber os bons momentos que se passam ao volante desta carrinha. A Octavia RS deu conta do recado e esteve ao nível de um circuito tão exigente. O motor tem um som mais cativante, o chassis digere bem a potência, o poder de tração é evidente a cada curva e a caixa de dupla embraiagem de sete velocidades faz o seu trabalho sem vacilar. Os milagres não existem e um circuito é uma prova de fogo para um automóvel com matrícula...  que é capaz de levar toda a família e as respetivas bagagens! O RS245 é um desportivo familiar com um impressionante espaço interior. Em Portugal só vai estar disponível na variante carrinha com caixa DSG, uma infindável lista de equipamento de série e, tudo por um preço muito competitivo, 43 260 euros. Chega em setembro, mas o livro de encomendas já está aberto.

Top

Os mais recentes